A importância do ensino das artes

A importância do ensino das artes

As artes têm um papel muito importante na formação integral do aluno, já que são capazes de transformar o estudante por meio da magia, da fantasia, da descoberta e da aventura, possibilitando o desenvolvimento da sensibilidade e da criatividade desde os primeiros anos de vida da criança.

Ponha o seu filho em contato com a Arte

Escolha agora uma atividade artística para o seu filho. Faça a matrícula no INCCAS – Escola de arte

De acordo com os PCNs (Parâmetros Curriculares Nacionais), as aulas de artes devem contemplar atividades que envolvam as quatro linguagens existentes, são elas: a música, o teatro, a dança e as artes visuais.

No entanto, apesar da recomendação dos PCNs, as instituições de ensino tinham o dever de incluir somente aulas de música ao espaço destinado as artes. Mas, com a recente sanção do Governo Federal –  lei n° 13.278/16 -, as escolas públicas e privadas têm a partir de agora cinco anos para incorporar aulas de teatro, artes visuais e dança ao currículo do ensino básico brasileiro, contemplando a Educação Infantil e os Ensinos Fundamental e Médio.

Diante da importância do aprendizado artístico, que contribui diretamente para o desenvolvimento integral dos alunos, listamos, a seguir, os principais ganhos em incluir a música, o teatro, a dança e as artes visuais no currículo escolar. Confira!

Potencializando a criatividade

O pensamento, a imaginação, a percepção e a sensibilidade de uma criança devem ser trabalhados de forma integrada, favorecendo o desenvolvimento das suas capacidades criativas, de acordo com a  faixa etária.

Ao trabalhar com as arte visuais, é importante envolver o aluno em um contexto social para que ele organize as ideias, invente, crie e construa a linguagem da arte por meio das várias leituras do mundo. Para tanto, é fundamental que o professor compreenda como se dá o processo de criação de cada faixa etária, para que possa propiciar aos alunos a oportunidade de crescer por meio de suas experiências artísticas.

Para estimular o estudante a usar a sua criatividade nas produções, é importante oferecer a ele uma ampla variedade de materiais e ensinar pequenas técnicas, por exemplo, a de misturar as cores. O objetivo não é a formação de artistas profissionais, mas sim de alunos que se enxerguem como construtores e participantes da sua própria aprendizagem de forma criativa.

Parceria no processo de alfabetização

As artes também têm um papel importante durante o processo de alfabetização, principalmente o desenho, presente no cotidiano das crianças desde os primeiros anos de vida. De acordo com a neurocientista e antropóloga, Elvira Souza Lima, em entrevista para o portal Educar para Crescer, a escrita nada mais é do que desenhar letras e juntá-las em palavras para criar significados. “Uma criança que desenha por 15 minutos todos os dias chega às letras naturalmente, já que o movimento para fazer uma letra de mão (letra cursiva) ou de forma (letra bastão) vem do desenho”, afirma a especialista.

Elvira comenta, ainda, que uma criança que desenha bastante pode evitar dificuldades com a caligrafia quando estiver aprendendo a escrever e indica que tanto a escrita quanto o desenho são atividades que podem continuar lado a lado durante o processo de alfabetização do aluno.

Dança, música e teatro: desenvolvendo o corpo e a mente!

Música: Obrigatória dentro da grade de artes em todas as instituições de ensino desde 2012, a música atua como um estímulo no período de escolarização da criança, pois ajuda na apropriação da linguagem, na concentração, no aprendizado da matemática e no desenvolvimento de habilidades cognitivas, motoras e sociais.

Sonia Regina Albano de Lima, diretora regional da Associação Brasileira de Ensino Musical, (ABEM), em entrevista ao portal Educar para Crescer, explica que “a música contribui para a formação integral do indivíduo, reverencia os valores culturais, difunde o senso estético, promove a sociabilidade e a expressividade, introduz o sentido de parceria e cooperação e auxilia no desenvolvimento motor, pois trabalha com a sincronia de movimentos.”

Dança: Já presente na grade de muitas escolas e também oferecida como atividade extracurricular, a dança é uma das formas mais divertidas e efetivas de ensinar aos alunos, na prática, todo o potencial de expressão do corpo humano. A professora da Universidade Federal do Rio de Janeiro, Atte Mabel Bottell, enfatizou em reportagem realizada pela Revista Escola, que a dança é um ótimo recurso para desenvolver uma linguagem diferente da fala e da escrita, aumentar a sociabilidade do grupo e quebrar a timidez dos alunos.

Teatro: A linguagem teatral também tem uma atuação importante na formação integral do aluno, pois ajuda a minimizar a timidez, estimula a criatividade e a memorização, aprimora o trabalho em equipe e a habilidade do improviso, além de despertar o interesse da criança e do jovem por textos e autores variados.

Artes Visuais: Quando se pensa em Artes Visuais, logo vem à mente desenhos, pinturas, esculturas, tinta entre outros milhares de recursos capazes de representar o mundo real ou o imaginário. Tudo muito importante para o desenvolvimento sensorial e psicomotor das crianças e jovens. No entanto, elas estão além do papel. O campo de atuação nas Artes Visuais é amplo. O teatro, o cinema, a música, a fotografia, a moda ou arquitetura, por exemplo, também as representam.

In,

Quem nasceu primeiro?…

Quem nasceu primeiro?…

No INCCAS – Escola de Arte,

…Foi o Ovo!

Estão a nascer e a se multiplicar como uma corrente do bem… Pelas mãos das crianças fascinadas, comprometidas, desenvolvendo o seu lado criativo. Cores vibrantes e traços rudimentares, expressam a criatividade e alegria de quem diz: “Este é o meu”: o Ovo que vai dar que falar… Estamos avisando!

Um ideia que vai abraçar [todo] o mundo…

Aqui, você já sabe: foi o Ovo que veio primeiro! E o que vem depois? Você nem imagina…

O protagonista desta bonita história – o Ovo, tem uma simbologia muito especial na visão conceitual do idealizador deste projeto, o pintor Caio Santos.

Este Evento teve lugar no do passado dia 13, mas o seu filho também vai ter oportunidade de criar o dele. Até você! Inscreva-o e inscreva-se numa das sessões na Escola de Arte e fique atento ás novidades que vêm por aí, a respeito desta iniciativa.

NOTA: em breve estaremos anunciando todas as informações a respeito desta ideia e divulgando as datas de novos evento no INCCAS – Escola de Arte. Fique por perto!!